Pegar a estrada em companhia da família ou dos amigos significa dividir o espaço do por porta-malas. Na hora de pegar as malas e preencher esse espaço do carro, sempre existe aquela leve tensão quando os olhos avaliam os montes de bagagens. A cabeça começa a planejar onde cada coisa vai se encaixar e nem sempre o planejamento é concluído com sucesso. Muitas vezes a galera viaja com uma parte das coisas no colo, o que além de causar um tremendo desconforto, pode ser uma péssima ideia no quesito segurança. Mas fique calmo! Estamos aqui para dar algumas dicas que possam ajudar nesse momento menos legal da viagem.

 

Caixas de Papelão

 

caixas de papelão

Ah! As caixas nos salvam em tantas situações e claro que não poderia fugir do segmento. Elas são perfeitas para abrigar aqueles itens sem forma exata que não couberam na mala. As caixas de papelão sempre sobram em casa ou mesmo em algum estabelecimento perto de qualquer casa. Além de não deixarem os itens pequenos “sambando” no porta-malas, você pode utilizar uma caixa do tamanho que lhe atenda.

Organize os Itens por Peso

 

Parece uma dica óbvia, mas às vezes o encaixe das coisas nos faz cometer o erro de colocar os itens mais leves encaixadas em algum vão embaixo de todo restante da bagagem. Para evitar surpresas infelizes como objetos quebrados, lembre-se de colocar as coisas leves na parte de cima do porta-malas. A distribuição do peso também é um ponto a ser lembrado, o desequilíbrio pode causar problemas futuros como desgaste da suspensão.

Repense as malas

malas

As malas mais aconselháveis sempre são as mais resistentes de tamanho médio a pequeno, mas além disso é preciso organizar as roupas, sapatos e necessaire de forma que tudo caiba sem sobras de muitos objetos fora dela. Para facilitar é possível utilizar técnicas para dobrar as roupas, utilizar sacos a vácuo e deixar os sapatos em sacos plásticos ou toucas de banho.

Variar no tamanho das malas também é uma ótima ideia para que o encaixe se dê de forma menos custosa. Mochilas são perfeitas por serem mais flexíveis!

 

Alimentos

Se a viagem é longa e a hora do lanche for dentro do carro, tente levar os alimentos junto aos passageiros para evitar uma parada no meio da estrada. Mas caso a quantidade de alimentos seja maior, para atender aos viajantes por todo período da viagem, o aconselhável é deixa-los no porta-malas, mesmo. O lugar dos perecíveis podem ser levados em bolsas térmicas ou caixas de isopor, a ultima opção é ótima para alimentos que podem amassar. Já as coisas que não exigem baixas temperaturas, podem ser levados em caixas de plástico tampadas para isolar as demais.

Rack de teto

rack de teto

Esse pode ajudar bastante caso a quantidade ou itens de bagagem seja muito grande e o porta-malas não seja tão espaçoso quanto você precisa. Lembrando sempre de fixar e testar bem as coisas para não haver o risco de perder as coisas durante o transporte.

 

Curtiu as dicas? Tem algum truque para a hora de encher o porta-malas? Comente aqui 🙂